O Oeste. Conheça mais sobre a nossa região.

Sobre a região

Uma unidade com tantas diferenças! Descubra a diversidade que caracteriza os 12 concelhos da região do Oeste (fonte: oestecim.pt).

Alenquer

Mercê da sua disposição em encosta, partindo do topo de um outeiro em direção ao vale, há muito que Alenquer conquistou o epíteto de "Presépio de Portugal".

Mercê da sua disposição em encosta, partindo do topo de um outeiro em direção ao vale, há muito que Alenquer conquistou o epíteto de "Presépio de Portugal".

Berço de Damião de Goes e terra predileta de Camões, desempenhou um papel preponderante em cada época da história.

Testemunho disso é o seu riquíssimo património: sítios pré-históricos, castelos, conventos, igrejas, ermidas, quintas e casas senhoriais.

Alenquer é, há oito séculos, sede de um vasto concelho agrícola, que apresenta uma paisagem característica, transição entre o campo outeirado da Estremadura e a planície.

Nos campos da região, a vinha é predominante e constitui a base ancestral da sua economia.

Número de Habitantes: 43.267
Área: 305,4 Km2
Freguesias: 11

Carnota, Meca, Olhalvo, Ota, União das Freguesias de Abrigada e Cabanas de Torres, União das Freguesias de Aldeia Galega da Merceana e Aldeia Gavinha, União das Freguesias de Alenquer (Santo Estêvão e Triana), União das Freguesias de Carregado e Cadafais, União das Freguesias de Ribafria e Pereiro de Palhacana, Ventosa e Vila Verde dos Francos.

Alcobaça

A baía e praia de S. Martinho do Porto é um dos locais de veraneio mais conhecidos da região Oeste.

Situada entre o mar e a Serra dos Candeeiros, a história da região de Alcobaça e dos seus antigos Coutos está ligada à presença de quase setecentos anos da Ordem de Cister que, por doação de D. Afonso Henriques, construiu na confluência dos rios Alcoa e Baça uma das maiores e mais bem conservadas abadias cistercienses da Europa.
Considerado Património Mundial, pela UNESCO, desde 1989, o Mosteiro de Alcobaça é visitado durante todo o ano por milhares de turistas que aqui encontram duas riquíssimas peças de escultura, os túmulos de D. Pedro e Inês de Castro, protagonistas de uma conhecida e celebrada história de amor na Idade Média. A baía e praia de S. Martinho do Porto é um dos locais de veraneio mais conhecidos da região Oeste.

Número de Habitantes: 56.569
Área: 406,8 Km2
Freguesias: 13

União de Freguesias de Alcobaça e Vestiaria, Alfeizerão, Aljubarrota, Bárrio, Benedita, Cela, União de Freguesias de Cós, Alpedriz e Montes, Évora de Alcobaça, Maiorga, União de Freguesias de Pataias e Martingança, São Martinho do Porto, Turquel e Vimeiro.

Arruda dos Vinhos

Nas suas encostas produzem-se alguns dos melhores vinhos estremenhos, conhecidos e galardoados diversas vezes.

A Vila de Arruda foi doada à Ordem de Santiago em 1172, por D. Afonso Henriques. Do seu património, destaques para o Chafariz Pombalino (Monumento Nacional), a Igreja Matriz, os Arcos do Aqueduto, o Hospital da Misericórdia, a Capela de S. Lázaro, a Torre do Relógio (antigos Paços do Concelho) e os Fortes das Linhas de Torres.

É nesta terra de “hospitaleiros” que o visitante tem oportunidade de saborear a boa gastronomia e de provar os néctares que deram nome a Arruda dos… Vinhos. Nas suas encostas produzem-se alguns dos melhores vinhos estremenhos, conhecidos e galardoados diversas vezes. Este é também um Concelho onde o Comércio, Industria e Serviços estão bem implantados.

O Concelho de Arruda dos Vinhos possui também um património natural muito interessante, caracterizado pelos seus vales soalheiros “pintados” com vinhedos e searas, resultando numa paisagem quase única, simbiose entre o rural e o urbano, que os Arrudenses carinhosamente gostam de apelidar “manta de retalhos”.

Número de Habitantes: 13.391
Área: 77,8 Km2
Freguesias: 4

Arranhó, Arruda dos Vinhos, Cardosas e Santiago dos Velhos.

Bombarral

Conhecida pelo especial aproveitamento para o turismo rural, a região é marcada pela famosa Rota da Vinha e do Vinho.

O concelho de Bombarral está inserido numa zona de grande atividade agrícola – Vinhas e Pomares. É este o modo de vida da população. Conhecida pelo especial aproveitamento para o turismo rural, a região é marcada pela famosa Rota da Vinha e do Vinho. Ainda ligado ao turismo, o concelho do Bombarral acolhe o KIRO - Kartódromo Internacional do Oeste, para os aficionados do desporto motorizado.

Com fortes heranças paleolíticas, o concelho apresenta alguns locais de interesse arquitetónico, como é o caso do antigo Palácio dos Henriques, Palácio Gorjão, Ermida de São Brás, Capela de Santa Catarina, Igreja do Sagrado Coração de Jesus, Capela da Madre de Deus, Igreja de Nossa Senhora da Purificação, Teatro Eduardo Brasão, Quinta dos Loridos e a Torre Medieval. Entre as belas paisagens que se podem admirar, ressalta a da Serra do Picoto, local de grutas pré-históricas.

Número de Habitantes: 13.193
Área: 91,7 Km2
Freguesias: 4

União de Freguesias de Bombarral e Vale Côvo, Carvalhal, Pó e Roliça

Cadaval

A Real Fábrica de Gelo, monumento nacional setecentista, ou o Convento dos Dominicanos, são alguns dos pontos de interesse a visitar.

Detentor de uma imagem marcadamente rural, associada a vinhedos e pomares de fruta, o Cadaval tem-se afirmado, cada vez mais, como um local de eleição para residir, beneficiando da proximidade da capital.

O Cadaval é atravessado, de oriente a sul, pela designada “Varanda da Estremadura” – a Serra de Montejunto, Área de Paisagem protegida que constitui um importante polo de atração turística, sendo as suas grutas e algares, a sua fauna e flora peculiares.

A Real Fábrica de Gelo, monumento nacional setecentista, ou o Convento dos Dominicanos, são alguns dos pontos de interesse a visitar.

Os vinhos e aguardentes do Cadaval foram já distinguidos com vários prémios, nacionais e internacionais, sendo, também, o principal concelho produtor e exportador de fruta, especialmente da denominada “Pêra Rocha”.

Número de Habitantes: 14.228
Área: 173,9 Km2
Freguesias: 7

Alguber, União de Freguesias de Cadaval e Pêro Moniz, União de Freguesias de Lamas e Cercal, União de Freguesias de Painho e Figueiros, Peral, Vermelha e Vilar.

Caldas da Rainha

Zona de relevância museológica, a região é também de grande riqueza gastronómica, fortemente marcada pela cultura conventual. 

A Rainha D. Leonor fundou, em finais do século XV a conhecida "cidade termal". As Caldas da Rainha têm como ex-libris, entre outros, as termas e o hospital termal. De grande incentivo turístico e cultural são também as cerâmicas de crítica social e política do artista Rafael Bordalo Pinheiro.

Zona de relevância museológica, a região é também de grande riqueza gastronómica, fortemente marcada pela cultura conventual. A paisagem divide-se entre o verde dos campos e o azul do mar, bem representado pela cosmopolita praia da Foz do Arelho.

Número de Habitantes: 51.729
Área: 255,9 Km2
Freguesias: 12

A-dos-Francos, Alvorninha, Carvalhal Benfeito, Foz do Arelho, Landal, Nadadouro, União de Freguesias de Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório, Salir de Matos, Santa Catarina, União de Freguesias de Santo Onofre e Serra do Bouro, União de Freguesias de Tornada e Salir do Porto e Vidais.

Lourinhã

A par da riqueza paisagística, onde ainda se encontram velhos moinhos a funcionar, podem visitar-se monumentos emblemáticos e caracterizadores da região.

Os seus doze quilómetros de costa, com belas praias e penhascos recortados, conjugados com um interior caracterizado ainda pela ruralidade, fazem do concelho da Lourinhã, o destino ideal para um fim-de-semana diferente ou umas férias preenchidas pela diversidade da oferta turística e cultural.

A par da riqueza paisagística, onde ainda se encontram velhos moinhos a funcionar, podem visitar-se monumentos emblemáticos e caracterizadores da região, bem como um avultado espólio paleontológico patente no Museu da Lourinhã.

No concelho aguça-se o apetite com a gastronomia que tem estreitas ligações ao Atlântico, com o peixe e o marisco a constituírem as principais especialidades, a que se junta a Aguardente da Lourinhã, reconhecida pela sua superior qualidade.

Número de Habitantes: 25.735
Área: 146,8 Km2
Freguesias: 8

União de Freguesias de Lourinhã e Atalaia, União de Freguesias de Miragaia e Marteleira, Moita dos Ferreiros, Reguengo Grande, Ribamar, Santa Bárbara, União de Freguesias de São Bartolomeu dos Galegos e Moledo e Vimeiro.

Nazaré

O interesse histórico-religioso e uma beleza natural incomparável constituem os principais atrativos do Sítio da Nazaré.

Além de ser uma tradicional terra de pescadores, a Nazaré é também um importante centro turístico, com uma das praias mais disputadas por veraneantes de todo o país – a praia da Nazaré.

O interesse histórico-religioso e uma beleza natural incomparável constituem os principais atrativos do Sítio da Nazaré, local sobranceiro à praia de onde se tem uma perspetiva inesquecível da costa atlântica.

Situada entre Alcobaça e Caldas da Rainha é uma das melhores praias da região Oeste. Quem visita esta região tem a oportunidade de conhecer os monumentos que fazem parte da sua história e de se deliciar com os inúmeros sabores da culinária local, onde o peixe ocupa lugar de destaque.

Número de Habitantes: 15.158
Área: 82,5 Km2
Freguesias: 3

Famalicão, Nazaré e Valado dos Frades.

Óbidos

Mais do que um local de investimento, Óbidos é um concelho que se afirma, cada vez mais, como uma marca onde a cultura e a sedução abrem caminho para novos desafios.

A secular vila de Óbidos, com os seus traços de origem medieval, é um dos patrimónios históricos e culturais mais importantes do nosso País.

Para além de uma intensa atividade cultural, que chama à vila milhares de visitantes todos os anos, o concelho assume-se como um local privilegiado para diversos projetos turísticos. A Lagoa de Óbidos é um bom exemplo disso, com o surgimento de alguns empreendimentos de excelência, alguns considerados de Interesse Nacional.

Mais do que um local de investimento, Óbidos é um concelho que se afirma, cada vez mais, como uma marca onde a cultura e a sedução abrem caminho para novos desafios.

Número de Habitantes: 11.772
Área: 142,3 Km2
Freguesias: 7

A-dos-Negros, Amoreira, Gaeiras, Olho Marinho, União de Freguesias de Santa Maria, São Pedro e Sobral da Lagoa, Usseira e Vau.

Peniche

Peniche mantém a sua particularidade dentro de uma região onde continuam a dominar as atividades ligadas à agricultura e à indústria agro-alimentar.

O Concelho de Peniche está situado no litoral da Região Oeste. As suas gentes desde sempre se dedicaram à pesca e, consequentemente, muito do seu património cultural reflete esta atividade, como é o caso do artesanato, nomeadamente as rendas de bilros e a gastronomia, onde predominam os pratos de peixe e marisco.

Com um importante porto de pesca, Peniche mantém a sua particularidade dentro de uma região onde continuam a dominar as atividades ligadas à agricultura e à indústria agro-alimentar.

Do seu património arquitetónico destaca-se a Fortaleza que serviu de proteção às invasões marítimas, e foi utilizada mais tarde como edifício prisional, tendo atualmente um museu integrado. Também as igrejas de todo o concelho retratam bem a riqueza arquitetónica local.

Muitas das praias da região – seis delas com bandeira azul - são procuradas por praticantes de desportos náuticos. As Berlengas, ilhas que constituem uma reserva natural rica em espécies autóctones, tem acesso por barco a partir de Peniche.

Número de Habitantes: 27.753
Área: 76,9 Km2
Freguesias: 4

Atouguia da Baleia, Ferrel, Peniche e Serra D'El Rei.

Sobral de Monte Agraço

O Turismo de Habitação, as atividades de lazer ligadas à natureza, as várias festas, feiras e as romarias são algumas das principais ofertas turísticas.

O Concelho tem uma história longa e rica sendo o documento mais antigo que se conhece datado de 1186, no reinado de D. Sancho I. Merece também referência o Foral Manuelino de 1518.

Do património histórico, destaca-se a Igreja de Santo Quintino (Monumento Nacional – Séc. XVI), a Capela Romano-Gótica, e os fortes pertencentes às Linhas de Torres, especialmente o Forte Grande de Montagraço, imponente construção militar que é também um dos mais belos miradouros desta região.

O Turismo de Habitação, as atividades de lazer ligadas à natureza, de que é exemplo a Rota dos Moinhos, e as várias festas, feiras e romarias que ocorrem principalmente durante o Verão são algumas das principais ofertas turísticas.

Número de Habitantes: 10.156
Área: 52,3 Km2
Freguesias: 3

Santo Quintino, Sapataria e Sobral de Monte Agraço.

Torres Vedras

O concelho dispõe de uma vintena de kms de costa marítima onde pontificam praias de rara beleza como Santa Cruz, Santa Rita ou Assenta.

Torres Vedras foi eleita por Romanos, Godos e Alanos, graças à sua localização e à riqueza das suas terras. O Castelo já foi reconstruído no reinado de D. Afonso Henriques e, durante as invasões francesas foi crucial na defesa do País graças às Linhas de Torres e ao Forte de S. Vicente que data dessa altura.

O concelho dispõe de uma vintena de kms de costa marítima onde pontificam praias de rara beleza como Santa Cruz, Santa Rita ou Assenta.

A Gastronomia é variada e rica, com pratos de mar e de terra e a doçaria conta com o internacionalmente conhecido, pastel de Feijão.

Outro ex-libris de Torres Vedras são as termas do Vimeiro e os campos de Golf, que proporcionam momentos de puro prazer aos muitos turistas que por ali passam durante todo o ano.

Número de Habitantes: 79.465

Área: 407 Km2
Freguesias: 13

União de Freguesias de A-dos-Cunhados e Maceira, União de Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça, União de Freguesias de Carmões e Carvoeira, União de Freguesias de Dois Portos e Runa, Freiria, União de Freguesias de Maxial e Monte Redondo, Ponte do Rol, Ramalhal, São Pedro da Cadeira, União de Freguesias de São Pedro e Santiago, Santa Maria e Matacães, Silveira, Turcifal e Ventosa.

Oeste em Imagens

Simplesmente espetaculares! Selecionaremos regularmente as melhores imagens do seu Oeste, vistas pelas objetivas dos participantes nos Concursos de Fotografia do Arena Shopping.

Ver todas as imagens

Notícias

Aqui partilhamos semanalmente notícias, curiosidades e destaques da nossa região para que possa estar sempre a par do que de melhor se faz no Oeste. Desporto, Gastronomia e Cultura são os nossos temas de eleição.

Música ao vivo na esplanada do Arena

Com a chegada do verão chegam também as noites quentes e animadas ao Arena Shopping!
O Arena Shopping continua a dinamizar o Oeste.

Todas as quintas-feiras, a partir das 20h, visite-nos e assista aos melhores concertos dos Momentos de Verão, com música de todos os estilos e para todos os gostos, desde Pop, Jazz, Bossa Nova, Blues, entre outros. A diversão é garantida!

Cartaz Musical Momentos de Verão 2016:

AGOSTO:


11 de agosto - Jabuticaba, Bossa&Jazz
18 de agosto - Lost in Translation, Pop&Blues
25 de agosto - Another Kind Of Bingo, Concurso
28 de agosto - Cabeça de Cartaz - Skills and The Bunny Crew (21h)


 

Venha disfrutrar de bons momentos no Arena.
Esperamos por si.

6º Concurso de Fotografia

Arena Shopping promove o 6º Concurso de Fotografia, subordinado ao tema "O NOSSO OESTE".

Com o intuito de promover a região onde se insere, o Arena Shopping promove o 6º Concurso de Fotografia, subordinado ao tema "O NOSSO OESTE".

Serão aceites um máximo de 4 fotografias por participante, tiradas nos concelhos da Região Oeste e Mafra: Alcobaça, Alenquer, Arruda dos Vinhos, Bombarral, Cadaval, Caldas da Rainha, Lourinhã, Nazaré, Óbidos, Peniche, Sobral de Monte Agraço e Torres Vedras.

O vencedor absoluto receberá um Mundicenter Gift Card (MGC) no valor de 500€, sendo a 2ª e 3ª fotografias mais votadas premiadas com um MGC de 200€ e 100€, respetivamente.

Clique aqui para saber mais. 
Venha com o Arena mostrar o que de melhor tem o Oeste.